Parcerias entre a UFRN, Ministério da Saúde e OPAS celebram a abertura de mais um Curso de Especialização em Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde

No dia 20 de agosto de 2018, no auditório da Organização Pan-Americana de Saúde, aconteceu o primeiro Encontro presencial da terceira versão do Curso de Especialização em Gestão do Trabalho e da  Educação na Saúde, resultado de projeto de cooperação assinado entre Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e o Ministério da Saúde.

Na Mesa de abertura estiveram presentes Mónica Padilla, coordenadora da Unidade de Capacidades técnicas da OPAS/OMS; Júlio Cesar Ferreira da Silva, o diretor do Departamento de Gestão e Regulação do Trabalho da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde; Rafaela Julia, representante da Câmara Técnica do Conselho Nacional de Secretários Estaduais d Saúde (Conass); Marcia Cristina Marques Pinheiro, representante do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde e Janete Castro, professora da UFRN e coordenadora geral do curso.

O encontro marca o início do curso de Especialização, para as turmas compostas por técnicos do Ministério da Saúde, Câmara Técnica do Conass de Saúde e técnicos do escritório do Conasems, e tem como um dos seus o objetivos  apresentar a estrutura do curso, tutores, coordenação geral e pedagógica  e a plataforma virtual. 

De acordo com o calendário de abertura do curso, ainda haverá momentos de aberturas para as turmas dos estados do Rio Grande do Norte ​ (22/08), Rio de Janeiro (23/08), Espírito Santo (24/08), Santa Catarina (30/08), São Paulo (31/08), Minas Gerais (04/09), Rio Grande do Sul (19/09) e Paraná (20/09).

Esta versão do curso é destinada às regiões Sul e Sudeste, UFRN e Ministério da Saúde, ofertando um total de vagas de 1.054 vagas. As versões anteriores contemplaram às regiões Nordeste (750 vagas), Norte e Centro Oeste (1.000 vagas).

A coordenação geral do curso é feita pelas professoras Janete Castro (DSC/UFRN) e Rosana Alves de Vilar (DENF/UFRN) e envolve 32 professores de diversos departamentos da UFRN  e de outras Instituições de ensino e técnicos dos serviços de saúde.